segunda-feira, 26 de agosto de 2013

Livro analisa em romance discussão ateísmo x crença


Realmente há alguns livros que valem a pena ser lidos porque o conteúdo nos conduz a algo melhor e nos faz verdadeiramente raciocinar e até nos emocionar. É o caso do recém-lançado A Descoberta, publicado pela Casa Publicadora Brasileira, de autoria do jornalista Michelson Borges e do profissional de direito Denis Cruz. O livro é uma narrativa muito bem estruturada que aborda a discussão do ateísmo versus crença religiosa, e passa pelas questões que envolvem ciência e religião e seus pontos convergentes. A história é bem escrita, os argumentos científicos e teológicos estão inseridos de maneira inteligente a ponto de o leitor ser guiado a uma discussão bem profunda sem praticamente perceber.

Mas não espere um livro de muitas páginas com o uso típico de argumentação (que também tem seu lugar) e, sim, uma narrativa agradável para ser lida, de uma família. Tem reflexões sobre espiritualidade bem claras que nos levam a pensar em nosso modelo de vida também. Esse livro realmente merece ser lido e compartilhado.

Essa discussão de ateísmo versus crença religiosa é bem interessante atualmente, porque o ateísmo se tornou uma bandeira para muitos e uma causa pela qual cientistas e mesmo não cientistas estão lutando de maneira aguerrida. Ao mesmo tempo, a noção de crença religiosa parece estar mudando no mundo e há certo interesse em se relativizar tudo.

O grande mérito de um livro como A Descoberta é trazer à tona para um público não tão científico (inclusive jovens que quem sabe estão estudando e enfrentando esse dilema nas universidades que frequentam) o fato de que o mundo não pode ser observado apenas sob a perspectiva do ateísmo, do materialismo, das filosofias anticristãs ou antirreligiosas. Evidentemente, há que se respeitar esse tipo de pensamento, mas não se pode aceitar que seja o único vigente nem o mais racionalmente plausível ou digno de ampla divulgação.

Virou moda criticar a religiosidade ou a religião, ou mesmo, no caso do cristianismo, a Bíblia Sagrada e seus conceitos. Ok. Respeitemos os modistas ou os que tornaram isso uma moda atualmente por meio de campanhas sistemáticas, mas os eles precisam compreender o valor que obviamente está contido na religião e na Bíblia. Não se pode fechar os olhos para essa realidade.

O convite do livro é claro para mim. Convida à pesquisa, ao estudo, à leitura, à descoberta, assim como um dos protagonistas da história fez. E lógico que essa viagem leva a muito mais do que o saber intelectual. Conduz a uma perspectiva mais ampla que mexe com o futuro, com o passado, com as emoções e com todos os aspectos da vida.

A discussão milenar ateísmo versus crença religiosa, como todos sabem, permanece e vez por outra dá a impressão de crescer. Mas é saudável quando os dois lados são postos sobre a mesa. Ninguém, nesse ambiente, tem o direito de menosprezar o outro. Mas argumentar é o que se deve fazer. Com sinceridade, em busca de algumas respostas que certamente estão preparadas para os que anseiam encontrá-las.
(Felipe Lemos, Realidade em Foco)

Clique aqui e adquira já o seu.

Postagens de Destaque