terça-feira, 29 de julho de 2014

Vida Social - Ninguém Vive Para Si

Porque nenhum de nós vive para si. Rom. 14:7.

Os jovens comportam-se, em geral, como se as preciosas horas do tempo de graça, enquanto se prolonga a misericórdia, fossem um grande feriado, e eles estivessem neste mundo apenas para seu entretenimento, para se comprazerem com uma série contínua de emoções. Satanás tem estado a esforçar-se especialmente para levá-los a achar prazer em diversões mundanas, e a se justificarem a si mesmos, tentando mostrar que essas distrações são inofensivas, inocentes e mesmo importantes para a saúde. (Testimonies, vol. 1, pág. 501)


O desejo de agitação e aprazível entretenimento é uma tentação e uma cilada ao povo de Deus, e especialmente aos jovens. Satanás está continuamente arranjando engodos com que desviar a mente da solene obra de preparação para as cenas que se acham num próximo futuro. Por intermédio dos mundanos, entretém uma constante estimulação a fim de induzir os imprudentes a se unirem aos prazeres do mundo. Existem shows, conferências e uma ilimitada variedade de distrações destinadas a levar ao amor do mundo; e mediante esta união com ele a fé é enfraquecida. (Conselhos aos Pais, Professores e Estudantes, pág. 325)


Os prazeres mundanos são absorventes; e para desfrutar sua alegria momentânea muitos sacrificam a amizade do Céu, com sua paz, amor e alegria. (O Lar Adventista, pág. 521)


Os cristãos têm ao seu dispor muitas fontes de felicidade, e podem dizer com infalível certeza quais são os prazeres lícitos e corretos. Podem desfrutar de recreações que não dissipem a mente ou rebaixem a alma, não iludam nem deixem após si triste influência que destrua o respeito próprio ou impeça o caminho da utilidade. Caso possam levar consigo a Jesus e manter-se em espírito de oração, estão perfeitamente seguros. (Fundamentos da Educação Cristã, pág. 84)


Em vista de sua alta vocação, os jovens dentre nós... devem ponderar bem o caminho de seus pés, lembrando-se de que, segundo a direção que eles tomarem, outros seguirão. Conselhos aos Pais, Professores e Estudantes, pág. 535.


Ellen White. Minha consagração Hoje - MM 1989 Pag. 212

Postagens de Destaque