quinta-feira, 18 de setembro de 2014

A Verdade Transforma



Senhor, quem habitará no Teu tabernáculo? Quem morará no Teu santo monte? Aquele que anda em sinceridade, e pratica a justiça, e fala verazmente segundo o seu coração. Sal. 15:1 e 2.
Temos que apresentar os princípios da verdade e deixá-los atuar no coração do povo. Podemos colher as folhas de uma árvore tão freqüentemente quanto nos agradar fazê-lo, mas isso não ocasionará a morte da árvore; na próxima estação as folhas surgirão outra vez, tão densas quanto antes. Se, porém, cortardes a machado a raiz da árvore, não somente as folhas cairão, mas a árvore morrerá. Os que aceitam a verdade por amor a ela, morrerão para o mundo, e se tornarão mansos e humildes de coração, à semelhança de seu divino Senhor. Logo que o coração esteja direito, a vestimenta, a conversação e a vida estarão em harmonia com a Palavra de Deus. Todos precisamos humilhar-nos sob a potente mão de Deus. Que Ele nos ajude a firmar os nossos pés na plataforma da verdade eterna. Historical Sketches, págs. 123 e 124.
A transformadora influência da verdade santifica o caráter. O crente ama os mandamentos de Deus. Sua condenação e seu temor são uma coisa. O amor de Cristo, revelado em Seu grande sacrifício para salvar o homem, destruiu todas as barreiras. O amor de Deus flui na vida, e a gratidão aparece no coração que era indiferente como uma pedra. Cristo crucificado, Cristo nossa justiça, ganha o coração e o leva ao arrependimento. Esse tema é tão simples que uma criança pode entendê-lo, os sábios e cultos se deleitam nele, quando o contemplam nas suas profundidades de sabedoria, amor e poder que nunca se podem sondar. Desejamos apresentar esta preciosa verdade ao povo que está escravizado pelo pecado. Que todos vejam que Cristo foi sacrificado por causa de suas transgressões, e deseja salvá-los. General Conference Bulletin, 28 de janeiro de 1893.
Lembremo-nos de que há necessidade de penas e línguas santificadas. Quando nós, como um povo, vivermos conforme a vontade de Deus, veremos os profundos movimentos de Seu Espírito. Muito então será feito por aqueles que nunca ouviram a verdade. Manuscrito 91, 1907.


Ellen White
Minha Consagração Hoje - MM 1989 Pag. 265

Postagens de Destaque