quarta-feira, 10 de setembro de 2014

O Erro de Fazer 70 anos

Li o Artigo de Odemiro Fonseca,  Empresário de são Paulo e colunista de O Globo, que reproduzo em resumo neste espaço, por ser muito interessante e de muito valia

O Erro de Fazer 70 anos

Na  banalização dos chamados "direitos dos idosos" alguns ajustes de conduta são necessários aos velhos e nada mais útil do que ler todas as manhãs esta oração das freiras do século 17:

"Senhor, muito melhor do que eu, sabes que estou envelhecendo e logo serei velho. Poupe-me do hábito nefasto de falar sobre tudo, em todas as ocasiões. Não permita que eu tente ajudar todo mundo. Faça-me solícito mas não rabugento. Prestativo mas não mandão.

"Velhice traz sabedoria e é uma pena eu não usá-la, mas senhor, sabes melhor do que ninguém que quero ter amigos ao redor no final.
"Livre minha boca de recitar longos detalhes. Dê-me asas para ir ao ponto. Sele meus lábios sobre minhas dores. Não mereço a graça de gostar das histórias de outros velhos, mas ajude-me a ser paciente

"Não ouso pedir melhor memória, mas sim mais humildade e menos vaidade quando minha memória se chocar com a memória dos outros.
Ensine-me que às vezes posso estar enganado.

"Faça-me razoavelmente bondoso. Não quero ser santo  - com alguns santos é tão difícil convive - mas um velho amargo é a mais perfeita obra do demônio. Surpreenda-me, senhor, com belezas inesperadas e talentos escondidos. e Senhor, dê-me a graça de saber expressar tais surpresas.

Amém"

Postagens de Destaque