segunda-feira, 13 de outubro de 2014

Ted Wilson disse "Satanás está tentando destruir a Igreja Adventista"

 

Fonte http://megaphoneadv.blogspot.com.br/

 

Ted Wilson disse "Satanás está tentando destruir a Igreja Adventista"


Ted N. C. Wilson, líder mundial da Igreja Adventista do Sétimo Dia, disse que Satanás estava usando todos os meios à sua disposição para tentar destruir a Igreja Adventista e neutralizar a sua missão de anunciar a breve volta de Jesus.

Ted Wilson, falando em um sermão que serve como seu discurso pastoral anual mundial, disse que as táticas do diabo incluem o ecumenismo, as abordagens de adoração carismáticas, e ataques a compreensão profética bíblica. Disse ainda, que sentiu os golpes, pessoalmente, nas últimas semanas, com a morte de um neto nascido prematuro e a descoberta de que dois outros netos sofrem graves problemas de saúde. 

"Nessas perigosas cenas finais da história da Terra, lembrem-se que o diabo está tentando neutralizar toda e qualquer coisa que fazemos, mesmo neste Concílio Anual," disse Ted Wilson ao auditório lotado na sede mundial da Igreja em Silver Spring, Maryland. "Através do poder de Deus, sejamos totalmente respeitosos, como Cristo, e amorosos em nossas discussões e trocas durante este Concílio Anual sobre qualquer tema que possamos falar." 

O Concílio Anual tem várias questões importantes para discutir, inclusive se a igreja mundial deve rever alguns dos termos das suas 28 Crenças Fundamentais e estender a ordenação às mulheres. Os 338 membros do Conselho Anual irão decidir se enviarão as questões para uma votação final em julho próximo, na sessão da Conferência Geral, o órgão superior da igreja mundial. 

Leia o texto completo do sermão de Ted Wilson AQUI .

Wilson disse que Apocalipse 13 esboça um plano satânico em duas frentes para destruir  nos últimos dias o povo de Deus: uma guerra ideológica de mentiras e erros que desafiam a verdade e perseguições, culminando em um decreto de morte contra aqueles que obedecem a leis bíblicas de Deus. "Embora a perseguição em larga escala certamente venha, atualmente Satanás está tentando trabalhar por dentro para enfraquecer a igreja através da dissensão, discórdia, e conformidade com o mundo", disse Wilson.

Táticas destrutivas de Satanás 
Wilson apontou várias vezes para as Escrituras e os escritos de Ellen G. White, co-fundadora da Igreja Adventista, como a maneira de discernir a vontade de Deus, durante o sermão de 70 minutos, que foi pontuado com frequentes "améns." 

Em um ponto, ele instou os delegados do Concílio Anual para se certificarem de que eles não estavam lendo a Bíblia de cabeça para baixo. "Quando você lê a Bíblia de cabeça para baixo, você vai obter um entendimento de cabeça para baixo", disse ele, citando o que disse um africano a ele em uma viagem recente. 

Ele destacou o método histórico-crítico de interpretação bíblica como indesejável, dizendo que nublou os temas e tópicos da Bíblia. "Como buscamos conhecer a vontade de Deus através de um estudo de Sua Palavra, não devemos colocar interpretações estranhas e empregar ginásticas interpretativas para tirar conclusões que não são evidentes a partir de uma leitura simples da Palavra", disse ele. Wilson, que fez uma chamada para o "reavivamento e reforma", uma marca da sua presidência, listou uma série de outras maneiras de como viu o diabo tentando destruir a Igreja Adventista:

- Inspirando uma crença de que a reforma dentro da Igreja significa abrir mão de doutrinas originais, de modo que seja mais fácil para as pessoas se tornarem adventistas.
- Usando tradição e filosofia para destruir a fé na Bíblia.
- Exortando as pessoas a se moverem de forma independente do corpo principal da igreja.
- Promovendo música carismática e pentecostal, e adoração que incide sobre os membros da igreja, em vez da verdadeira adoração a Deus.
- Distraindo as pessoas com atividades seculares, como esportes competitivos, a Internet, a mídia, negócios financeiros e materialismo.
- Incentivando péssimos hábitos de saúde e falta de respeito às leis naturais de Deus, enfraquecendo assim a mente e amortecendo os sentidos.
- Agitando o ceticismo sobre a veracidade do registro bíblico sobre a origem da vida e da história inicial.
- Espalhando espiritismo.
- Promovendo o ecumenismo, ou a cooperação de uma melhor compreensão entre as religiões cristãs, com o objetivo inatingível da unidade cristã universal. [...]
Wilson advertiu que ninguém que ouviu o sermão no auditório principal do edifício da Associação Geral estava isento de ataques do diabo. "Estamos todos juntos nisso", disse ele. "Há muitos nesta sala que estão passando por situações muito piores." Olhando além das questões internas da igreja, Wilson disse que Satanás estava atacando a igreja em outras frentes também, como o surto de Ebola na África Ocidental e da violência no Iraque, Síria e Ucrânia. 
Apesar das dificuldades, Wilson pediu aos delegados para proclamarem corajosamente a mensagem da Igreja Adventista. "Fiquem longe de qualquer coisa que possa prejudicar a nossa mensagem ou obscurecer as nossas crenças distintas", disse ele. "Não sejam tentados pelo diabo a se misturar com a multidão ou ser politicamente correto. Não proclamem um cristianismo genérico ou uma graça barata de Cristo", que não aponta para as distintivas verdades bíblicas a serem declaradas em todo o mundo, razão pela qual Igreja Adventista do Sétimo Dia foi organizada." 
Os líderes da igreja se levantaram quando Wilson concluiu com um apelo para acompanhá-lo na submissão ao poder de Deus e pedindo proteção contra os ataques do diabo. "Nossa única esperança no futuro está em nossa pessoal conexão com Cristo", disse Wilson. "Nossa esperança como povo de Deus, sua esperança e minha esperança, está construída em nada menos do que o sangue e a justiça de Jesus."
Com informações da Adventist News Network

Postagens de Destaque