sábado, 14 de março de 2015

A intercessão do Espírito


Resultado de imagem para Imagens da santissima trindade

A intercessão do Espírito, 14 de Março

Da mesma maneira também o Espírito ajuda as nossas fraquezas; porque não sabemos o que havemos de pedir como convém, mas o mesmo Espírito intercede por nós com gemidos inexprimíveis. Romanos 8:26. 

Precisamos não só pedir em nome de Cristo, mas também pela inspiração do Espírito Santo. Isto explica o que significa o dito de que: “O mesmo Espírito intercede por nós com gemidos inexprimíveis.” Romanos 8:26. Tais orações Deus Se deleita em atender. Quando proferirmos uma oração com fervor e intensidade no nome de Cristo, há nessa mesma intensidade o penhor de Deus de que Ele [79] está prestes a atender à nossa súplica “muito mais abundantemente além daquilo que pedimos ou pensamos”. Efésios 3:20. — Parábolas de Jesus, 147. O Espírito Santo será dado aos que buscarem o Seu poder e graça, e ajudará nossas fraquezas quando queremos ter uma audiência com Deus. O Céu está franqueado a nossas petições, e somos convidados a chegar-nos “com confiança ao trono da graça, para que possamos alcançar misericórdia e achar graça, a fim de sermos ajudados em tempo oportuno”. Hebreus 4:16. Devemos ir com fé, crendo que obteremos aquilo mesmo que dEle pedimos. — The Signs of the Times, 18 de Abril de 1892. 
Podemos confiar a Deus a guarda de nossa vida como a um fiel Criador, não porque fôssemos sem pecado, mas porque Jesus morreu para salvar justamente as criaturas faltosas e errantes como nós, exprimindo assim Sua estimativa do valor da vida humana. Podemos descansar em Deus, não por causa do nosso mérito, mas porque a justiça de Cristo nos será atribuída. ... Há na Palavra de Deus ricas promessas para nós. O plano da salvação é amplo. Não é mesquinha, limitada, a providência que foi tomada em nosso favor. Não somos obrigados a confiar na evidência que tivemos um ano ou um mês atrás, mas podemos hoje ter a certeza de que Jesus vive e está fazendo intercessão por nós. — The Review and Herald, 22 de Abril de 1884. 
Deus não abandona Seus filhos errantes, fracos na fé e que cometem erros. O Senhor escuta e atende sua oração e seu testemunho. Os que dia a dia, e momento a momento olham para Jesus, vigiando em oração, aproximam-se dEle. Anjos, de asas estendidas, aguardam o momento de levar a Deus suas orações contritas e registrá-las nos livros do Céu. — The S.D.A. Bible Commentary 4:1184.

Postagens de Destaque