quarta-feira, 4 de março de 2015

Resposta a uma leitora do Blog, sobre o alimento, Carne

Resposta a uma leitora do Blog

 Recebi, de uma leitora do Blog do Blog do Pastor Manoel Barbosa, uma cartinha, procurando tirar dúvidas quanto a uma matéria publicada, dias antes, neste Blog, cujo titulo da matéria é: "É pecado Comer carne?A pergunta não tinha como objetivo questionar, ou criara polêmicas, mas ter melhor esclarecimento, pois a matéria parece contradizer tudo o que Ellen White escreveu sobre Reforma Alimentar.

Respondi suas dúvidas e agora publico aqui a resposta que lhe enviei, para que, caso alguem tenha ficado com as mesmas dúvidas, possa ficar esclarecido


Querida Leitora, A resposta é esta: Temos que parar de comer carne e pronto.
O contexto da publicação do artigo, o motivo, é que andou por aqui, alguns elementos, dissidentes do adventismo, desses que são contra o Espírito Santo, espalhando que a igreja está apostatada, por que permite o consumo de carne. Esse é  o motivo da publicação do artigo e enviei uma cópia aos irmãos que estava em dúvida.
Quanto a irmã White, ela não era fanática e nem fechou o céu a quem comia carne. Deixou bem claro que carne não é prova de comunhão,  e até, em  caso de doenças, e acredito que foi em caso de muita necessidade, ele serviu carne a uns doentes. foi ela quem fez isto, ela errou?... não sei. Acredito que não
Outras vezes, e mais uma vez, eu creio,  em extrema necessidade, foi obrigada a comer carne, mas disse que estava temerosa de voltar a fazer isto.
Resumindo, devemos ter equilíbrio. A regra é não comer carne, este é o regime ideal, mas se por acaso, vier a comer um pedaço de carne, não se sentir culpado, perdido, ou apostatado por que comeu. Carne é fator de saúde, não de salvação.

Quanto ao tempo que vivemos, período da purificação do santuário, é similar ao período da purificação do santuário terrestre. Naquele tempo, o povo jejuava não era só um jejum de alimentação sem carne, era jejum completo sem alimento nenhum.
O argumento que alguns usam que estão jejuando quando param de comer carne, é sem fundamento. Até por que depois que passava o dia da expiação, voltavam a comer carne, voltaremos a comer carne depois desse período, quando terminar a purificação do santuário celestial?  Claro que não!.

Portanto, devemos ser equilibrados quanto a este tema. como disse você "nada de extremos" e eu não quero, nem devo, defender o consumo de carne. Não é este meu objetivo.
Só não quero é ver minha igreja atacada por elementos divisionistas, que se aproveitam desse tema para afastar os irmãos da igreja.
Por isto escrevi a matéria, para mostra que nem Ellen White, nem Jesus, nem mesmo Deus, condenou as pessoas por comer carne.
1. Deus disse: "Eis que vos tenho dado todas as ervas que produzem semente, as quais se acham sobre a face de toda a terra, bem como todas as árvores em que há fruto que dê semente; ser-vos-ão para mantimento". Gen. 2  Este é o alimento ideal
2. Disse ainda: Bom é não comer carne, nem beber vinho, nem fazer outra coisa em que teu irmão tropece.Rom. 14
3. 
Mas disse também: Todavia, conforme todo o teu desejo, poderás degolar, e comer carne dentro das tuas portas, segundo a bênção do Senhor teu Deus que ele te houver dado; tanto o imundo como o limpo comerão dela, como da gazela e do veado; Deut. 12: 15  

E orientou: não coma sangue nem nada imundo.
Deus se contradisse? também acredito que não.
4. Deus muda? Não. Lógico que não. Quando ele permitiu que se comesse carne, e teve o cuidado de separar o menos mal, do pior, ele estava dando um exemplo de amor aos seus filhos, permitindo que comessem em caso de necessidade estes alimentos que mesmo não sendo os melhores alimentam assim mesmo. refiro-me à carne e derivados
5. Não devemos abusar dessa bondade e agir como se nosso corpo fosse de ferro, e comer tudo que nos é prejudicial. Por isto devemos comer frutas, cereais, nozes e verduras que é o que há de melhor na natureza. Ou seja, devemos ser vegetarianos.
6. Por outro ladonão devemos condenar os outros por que comem alimentos, que mesmo sendo prejudicial a saúde, foram permitidos por Deus.Nem sair da igreja por isto. Afinal, se a igreja não disciplina as pessoas por que comem carne, não as obriga comer.
7. Mas do que nunca a igreja adventista, hoje, está empenhada em promover a reforma de saúde. sabemos que será uma tarefa árdua, pois muitos estão tão acostumados com carne,  que provavelmente, resistirão. Mas em breve sonhamos em ver todo adventista, ou pelo menos, a esmagadora maioria, vivendo o regime original dado por Deus.
Reforma de saúde com equilíbrio. Como ensinou Paulo: "Quem come não condenar quem não come", e vice versa.
Mas de preferência que ninguém coma.

Ore por isto

Postagens de Destaque