sábado, 13 de junho de 2015

Desvencilhado,


Resultado de imagem para imagens de tentaç~çoes

Desvencilhado, 12 de Junho

Ninguém que milita se embaraça com negócio desta vida, a fim de agradar àquele que o alistou para a guerra. 2 Timóteo 2:4. 



O Senhor Jesus deseja que Sua possessão adquirida se desvencilhe de tudo que os expõe à tentação. Pertencemos ao Senhor, por criação; e pertencemos-Lhe pela redenção. Todos os nossos sentidos devem ser conservados perspicazes e corretos, a fim de que possamos nos colocar na devida relação para com Deus. 
Os companheiros que escolhermos ser-nos-ão um auxílio ou um estorvo. Não devemos expor-nos a risco nenhum, colocando-nos em lugar onde anjos maus nos rodeiem com suas tentações e ciladas. Satanás... põe perante a pessoa suas tentações sedutoras. Aparece como anjo de luz e reveste suas tentações de aparente bondade. Nossa primeira obra é desvencilhar-nos de tudo que pretenda de qualquer modo manchar o caráter. Se não fazemos da Bíblia a regra da vida, nossos hábitos e gostos, herdados e cultivados, prenderão a alma. ... A pessoa é de valor, e é por Deus considerada mais preciosa que ouro, mesmo a barra de ouro de Ofir. 
Cristo nos mostrou a estimativa em que tem o ser humano. Considerai Sua humilhação, Seus sofrimentos, Sua morte. Se tivesse tido em conta Seu prazer, Sua preferência, Sua conveniência, jamais teria abandonado as cortes reais do Céu. ... Depois de haver o instrumento humano gasto a vida em seguir seus próprios impulsos, colocando seus talentos no relicário de Satanás, preferindo os seus próprios interesses, que ganhou ele? Apenas o barato aplauso humano. E que perdeu? Uma eternidade de bem-aventurança. Vendeu a vida em mercado vil. ... Deus nos compele a, em vez de gastar nossas faculdades, nossos talentos e o vigor do cérebro e dos músculos em coisas sem importância, frívolas, meramente para entreter e satisfazer ao próprio eu, ter em vista a eternidade, e conservar-nos sob o controle da guia do Espírito Santo. 
Temas elevados, puros, enobrecedores devem ser assunto de contemplação. A nós, individualmente, como propriedade Sua, diz Deus: Não sois de vós mesmos; “porque fostes comprados por bom preço; glorificai, pois, a Deus no vosso corpo e no vosso espírito, os quais pertencem a Deus”. 1 Coríntios 6:19, 20. — Manuscrito 21, 1898.

Ellen White
Nos Lugares Celestiais Pag 352

Postagens de Destaque