sexta-feira, 30 de outubro de 2015

Habilitando-nos para as mansões celestiais,


Resultado de imagem para imagens de mansões celestiais



Habilitando-nos para as mansões celestiais, 5 de Outubro

Para a apresentar a Si mesmo igreja gloriosa, sem mácula, nem ruga, nem coisa semelhante, mas santa e irrepreensível. Efésios 5:27. 


Cristo virá em breve, sobre as nuvens do céu, e devemos estar  preparados para recebê-Lo, sem termos mácula, nem ruga, nem coisa semelhante. ... O poder de Deus para converter, tem de atuar em nosso coração. Temos de estudar a vida de Cristo e imitar o Modelo divino. Temos de demorar o pensamento na perfeição de Seu caráter, e ser transformados em Sua imagem. Não entrará no reino de Deus ninguém cuja vontade não tenha sido levada em cativeiro à vontade de Cristo. Os professos cristãos deixam-se ficar demasiadamente próximo das baixadas da Terra. Têm os olhos treinados para ver unicamente as coisas comuns, e seu espírito demora nas coisas que os olhos contemplam. Sua experiência religiosa é muitas vezes débil e não satisfatória, e suas palavras leves e destituídas de valor. Como podem esses refletir a imagem de Cristo? Como podem irradiar os brilhantes raios do Sol da Justiça para todos os lugares escuros da Terra? ... O Céu é isento de todo pecado, de toda contaminação e impureza; e se quisermos viver em sua atmosfera, se quisermos contemplar a glória de Cristo, temos de ser puros de coração, perfeitos no caráter, por Sua graça e justiça. Não devemos enlevar-nos com prazeres e diversões, mas estar-nos preparando para as gloriosas mansões que Cristo foi preparar-nos. ... Brevemente Cristo virá, em glória; e quando se revelar Sua majestade, o mundo desejará ter tido o Seu favor. Naquele tempo todos nós desejaremos um lugar nas mansões do Céu; mas os que não confessam a Cristo agora na palavra, na vida, no caráter, não podem esperar que Eles os confesse naquele tempo, perante o Pai e os santos anjos. ...  Oh, quão felizes se sentirão os que se tiverem preparado para a ceia das bodas do Cordeiro, achando-se revestidos da justiça de Cristo e refletindo-Lhe a amável imagem! Estarão envergando as puras vestes brancas, que são a justiça dos santos, e Cristo os guiará para junto das águas vivas; Deus limpará de seus olhos toda lágrima, e terão uma vida que corre paralela com a vida de Deus. — The Review and Herald, 5 de Dezembro de 1912.

Ellen White
Nos Lugares Celestiais Pag. 590

Postagens de Destaque