quinta-feira, 5 de novembro de 2015

Misterioso despertar move multidões no mundo

Misterioso despertar move multidões no mundo

Enquanto passava algumas semanas em uma reunião de oração, nos Estados Unidos, durante a assembleia mundial da Igreja Adventista do Sétimo Dia, comecei a perceber que algo “estranho” estava ocorrendo naqueles dias. Nossa sala de oração ficava mais cheia a cada dia e eram tantas as pessoas que chegavam ali que já não havia mais espaço. Algumas delas se reuniam fora do recinto, em grupos, para orar. Multidões foram atraídas.
Certo dia, uma colega me contou que uma de suas amigas próximas, consagrada a Deus, organizou uma reunião de oração em uma cidade da Alemanha. Nos primeiros dias, apenas algumas pessoas, que podiam ser contadas nos dedos das mãos, apareceram para orar, até que ela decidiu passar a noite em oração, buscando respostas de Deus. E Ele respondeu. Na semana seguinte, eram tantas as pessoas que vinham às reuniões de oração que a sala ficou pequena e até mesmo tiveram de alugar um espaço maior.
Há mais ou menos seis meses, eu estava conversando com uma amiga que fora chamada para organizar uma reunião de oração no Arkansas, Estados Unidos. Fiquei surpresa com o que ela me disse. Contou-me que, enquanto oravam, mais e mais pessoas começaram a chegar e ali foi sentida a presença de Deus. A maioria estava dando louvores a Deus.
Voltando à reunião de oração da qual participei nos Estados Unidos, foi grande a minha surpresa quando jovens de diversos países apareciam em busca da direção divina, colocando sua vida a serviço de Deus. Uma das jovens, vinda da França para participar da assembleia mundial, disse que estava totalmente convencida de que Deus a estava chamando para cumprir uma missão em algum lugar do planeta. Outro jovem que veio às nossas reuniões contou que ao passar pela sala de oração, embora não tivesse a intenção de entrar, ouviu uma voz em sua mente dizendo-lhe para entrar e orar naquele lugar, e ao atender a esse chamado não podia imaginar que sua vida mudaria para sempre.
Essa é apenas a ponta do iceberg dos muitos testemunhos que já ouvi e li. Esta é apenas uma pequena amostragem. No início deste ano, 25 famílias foram enviadas para compartilharem sua fé em lugares com ou sem presença cristã. Ao partirem daqui, nenhum desses missionários demonstrou tristeza ou temor, antes, alegria e emoção. Foi algo exemplar e incrível. Deixar tudo para cumprir a missão instituída por Jesus em Marcos 16:15: “E disse-lhes: Ide por todo o mundo e pregai o evangelho a toda criatura.”
Motivo
O que está ocorrendo no mundo? O que leva milhares de pessoas, em especial os jovens, a deixarem seu conforto para irem a terras distantes ou em sua região para compartilhar o amor de Jesus? A Bíblia diz em Atos 1:8: “Mas receberão poder quando o Espírito Santo descer sobre vocês, e serão minhas testemunhas em Jerusalém, em toda a Judéia e Samaria, e até os confins da terra” (NVI). Fazendo uma pesquisa, cheguei ao Comentário Bíblico Adventista (CBA), em que li a explicação do contexto da palavra ‘poder’, dizendo que Lucas, autor do livro de Atos, refere-se ao “poder” sobrenatural recebido por aqueles que têm o Espírito Santo. Ele segue explicando que esse poder é para testemunhar, pois vem de dentro, proclama o evangelho e leva outros a Deus.
Com relação à palavra ‘confins’, o CBA declara que, em contraste com a ordem de Cristo ao enviar os 12 pela primeira vez, esta obra deve ser universal, não nacional. Esse foi o princípio global mencionado por Lucas em Atos e que levaria à conclusão da obra e a volta de Jesus.
Não indo muito longe, enquanto conversava com a coordenadora assistente do Serviço Voluntário Adventista da Igreja na América do Sul, Yvonne Kern, fui informada de que nos últimos quatro anos mais de 500 jovens sul-americanos deixaram seus países para irem a alguma parte do mundo para cumprir a missão deixada por Cristo. Não é surpreendente ver milhares de pessoas sendo chamadas pelo poder do Espírito Santo para ir a lugares distantes com a mensagem dos três anjos?
Alguns, como os jovens da Missão Calebe, levam a mensagem em seu país ou região. Podemos ver claramente que, enquanto o mundo cai com rapidez em um profundo abismo, uma igreja está se levantando para dizer que há esperança em meio à dor e à depressão por meio de seus missionários voluntários. A isso eu chamo de reavivamento espiritual! E o melhor ainda está por vir!
Se você se sente chamado para cumprir a missão bíblica em seu bairro, país ou em alguma outra parte da Terra, compartilho algumas opções nas quais você pode se inscrever e participar. É tempo de nos unirmos a esse despertamento e, cheios do Espírito Santo, sairmos para cumprir a missão dada pelo próprio Deus.
Boa viagem e êxito na missão!

carolyn-azo

Fonte - http://noticias.adventistas.org/pt/coluna/carolyn-azo

Postagens de Destaque