sexta-feira, 15 de maio de 2015

Divino auxiliador



Divino auxiliador, 12 de Maio

Mas Deus no-las revelou pelo Seu Espírito; porque o Espírito penetra todas as coisas, ainda as profundezas de Deus. I Cor. 2.10. 

Quanto mais intimamente aderirmos à simplicidade da verdade, tanto mais seguramente compreenderemos seu profundo sentido. Então, se o coração estiver sob a inspiração do Espírito de Deus, ele poderá dizer: “A exposição das Tuas palavras dá luz e dá entendimento aos símplices.” Salmos 119:130. 
Isso quer dizer que a palavra é interpretada pelo Espírito Santo, não meramente segundo o estudante a lê. Não é a simples letra das palavras que proporciona luz e entendimento, mas a Palavra é, de modo especial, escrita no coração, aplicada pelo Espírito Santo. Para a mente e o coração consagrados a Deus, transmite-se uma aumentada medida de entendimento, ao ser a luz comunicada aos outros. ... Quanto mais lugar alguém conceda a entrada da Palavra de Deus, tanto mais é ele enriquecido intelectualmente, assim como espiritualmente. Terá um juízo mais claro e menos influenciado pela sua inclinação, e suas idéias serão mais compreensivas. Será mais correta sua estimativa das coisas espirituais. Seu entendimento, sob o poder atuante do Espírito Santo, é exercido no sentido de ser a verdade assimilada, tornando-a de benefício pessoal mediante o fortalecimento do espírito para fazer obras abnegadas. Oh, de coração, alma e voz dou graças por poder o Senhor, pela entrada da Palavra no coração, ampliar nossas faculdades de modo a compreendermos distinta e claramente, não só as coisas espirituais, mas também as temporais com as quais lidamos! A santificadora graça de Deus na mente humana santifica as faculdades de raciocínio. Teremos sempre presente o seguinte: Glorificará a Deus este ato que me proponho a praticar? Haverá um espírito humilde, profundamente humilde, e menos confiança será posta na sabedoria humana e muito mais confiança em alcançar a Deus com a humilde oração: Ensina-me Teu caminho e Tua vontade! E o Senhor criará uma cadeia de pensamentos que será seguro seguir. Recordar-se-ão experiências do passado, e a segura maneira de agir se firmará na mente. ... O poder divino coopera com o humano. — Carta 144, 1898.

Ellen White
Nos Lugares Celestiais Pag. 288

Postagens de Destaque