quinta-feira, 10 de março de 2016

Serviço Cristão -- Capítulo 24 — Requisitos para o serviço cristão eficiente -- Parte 5

Resultado de imagem para imagens de como vencer o desanimo

Como vencer o desânimo
Os servos do Senhor podem esperar toda espécie de desânimo. Serão provados, não somente pela ira, pelo desprezo e a crueldade dos inimigos, mas também pela indolência, a incoerência, a mornidão e a traição dos amigos e auxiliares. [...] Mesmo alguns que parecem desejar que a causa de Deus prospere, hão de mesmo enfraquecer as mãos dos Seus servos, ouvindo, passando adiante e quase crendo nas calúnias, nas arrogâncias e nas ameaças de seus adversários. [...] Em meio de grandes desânimos, Neemias pôs em Deus sua confiança; aí se encontra nossa defesa também. A lembrança do que Ele tem feito por nós se demonstrará um apoio em todo o perigo. “Aquele que nem mesmo a Seu próprio Filho poupou, antes O entregou por todos nós, como nos não dará também com Ele todas as coisas?” Romanos 8:32. E “se Deus é por nós, quem será contra nós?” Romanos 8:31. Por astutos que sejam os ardis de Satanás e seus agentes, Deus os pode descobrir, e anular 222 Serviço Cristão todos os seus conselhos. — The Southern Work, 19 de Abril de 1904. 
Aqueles que, na vanguarda do conflito, são impelidos pelo Espírito Santo a fazer um trabalho especial, freqüentemente sentirão uma reação quando a pressão for removida. O desânimo pode abalar a fé mais heróica, e enfraquecer a mais firme vontade. Mas Deus compreende, e ainda Se compadece e ama. Ele lê os motivos e os propósitos do coração. Esperar pacientemente, confiar quando tudo parece escuro, eis a lição que os líderes na obra de Deus necessitam aprender. O Céu não lhes faltará no dia da adversidade. Nada está aparentemente mais ao desamparo, mas na realidade mais invencí- vel, do que a alma que sente a sua nulidade, e confia inteiramente em Deus. — Profetas e Reis, 174, 175. 
Deus pede soldados que não faltem nem se desanimem; mas que aceitem o trabalho com todos os seus aspectos desagradáveis. Ele quer que todos nós tomemos Cristo por modelo. — The Review and Herald, 17 de Julho de 1894.
 Os que hoje ensinam verdades impopulares não se devem desanimar, se por vezes encontram, mesmo por parte dos que se dizem cristãos, recepção não mais favorável que a dispensada a Paulo e seus companheiros, por aqueles por quem trabalham. Os mensageiros da cruz devem armar-se de vigilância e oração, avançando com fé e ânimo, trabalhando sempre no nome de Jesus. — Atos dos [184] Apóstolos, 230

Resultado de imagem para imagens de delicadeza

Delicadeza 
O espírito que se conserva manso em face da provocação, dirá mais em favor da verdade, do que o fará qualquer argumento, por mais vigoroso que seja. — O Desejado de Todas as Nações, 353. 
Como o orvalho e a chuva branda caem nas ressequidas plantas, assim deixai cair suavemente as palavras quando procurais desviar os homens de seus erros. O plano de Deus é conquistar primeiro o coração. Devemos falar a verdade com amor, confiando nEle quanto ao poder para a reforma da vida. O Espírito Santo aplicará ao coração a palavra proferida com amor. — A Ciência do Bom Viver, 157. 
Um espírito brando, uma suave e cativante atitude, pode salvar o errado, e cobrir uma multidão de pecados. A revelação de Cristo em vosso caráter terá um poder transformador sobre todos com quem entrardes em contato. Seja Cristo diariamente manifestado em vós e Ele revelará por vosso intermédio a energia criadora de Sua palavra — uma delicada, persuasiva e todavia poderosa influência para regenerar outras almas segundo a beleza do Senhor nosso Deus. — Beneficência Social, 129. 

Imparcialidade
Enquanto viveu entre os homens, nosso Salvador participou da sorte dos pobres. Conhecia por experiência seus cuidados e asperezas, e podia confortar e animar a todos os humildes obreiros. Os que possuem verdadeira concepção dos ensinos de Sua vida, não pensarão nunca que se deva fazer distinção de classes, que os ricos devam ser honrados de preferência aos pobres dignos. — O Desejado de Todas as Nações, 73. 
Reconhece que despreza as almas que Cristo procura, quando se desvia dos que parecem pouco promissores e não atraentes? Justamente no momento em que se esquiva deles, podem carecer muito de sua compaixão. Em toda assembléia de culto, há almas que anseiam descanso e paz. Podem parecer como se vivessem indiferentemente, mas não são insensíveis à influência do Espírito Santo. Muitas delas podem ser ganhas para Cristo. — Parábolas de Jesus, 191. 
O convite evangélico não deve ser amesquinhado, e apresentado apenas a uns poucos escolhidos, que, supomos, nos farão honra caso o aceitem. A mensagem deve ser dada a todos. Onde quer que haja corações abertos para receber a verdade, Cristo está pronto a instruí-los. — O Desejado de Todas as Nações, 194. 

Honestidade — fidelidade — operosidade — 
Ao se terem de confiar responsabilidades a um indivíduo, não se indague se ele é eloqüente ou rico, mas se é honesto, fiel e operoso; pois sejam quais forem suas realizações, sem estas qualidades ele se acha inteiramente inabilitado para qualquer cargo de confiança. — Testimonies for the Church 4:413. 

Resultado de imagem para imagens de altruismo

Altruísmo 
A obra de Cristo deve ser nosso exemplo. Ele andava continuamente fazendo o bem. No templo e nas sinagogas, nas ruas das cidades, nas praças e nas oficinas, na praia e na encosta dos montes, pregava o evangelho e curava os doentes. Sua vida foi de serviço desinteressado, e nos deve servir de modelo. Seu terno e compassivo amor constitui-nos uma censura ao egoísmo e falta de coração. — Testemunhos Seletos 3:298, 299. 
O motivo que nos dispõe ao trabalho por Deus não deve ter em si coisa alguma que lembre serviço a si próprio. Abnegada devoção e espírito de sacrifício têm sido e serão sempre o primeiro requisito do culto aceitável. Nosso Senhor e Mestre deseja que nenhum fio de egoísmo seja entretecido em Sua obra. A nossos esforços devemos acrescentar o tato e habilidade, a precisão e sabedoria que o Deus da perfeição exigiu dos construtores do santuário terrestre; contudo, em todos os nossos trabalhos devemos lembrar que os maiores talentos e os mais esplêndidos serviços são aceitáveis somente quando o eu é posto sobre o altar para consumir-se como um sacrifício vivo. — Profetas e Reis, 65. 
De todos os povos da Terra, deviam ser os reformadores os mais abnegados, os mais bondosos, os mais corteses. Dever-se-ia ver em seus atos a verdadeira bondade dos atos desinteressados. — A Ciência do Bom Viver, 157. 

Não se afligir 
As coisas irão mal, devido a obreiros não consagrados. Podereis derramar lágrimas pelos resultados; não vos aflijais, porém. O bendito Mestre tem toda a Sua obra, de uma a outra extremidade, sob Sua sábia superintendência. Tudo quanto pede é que os obreiros vão a Ele a receber ordens, e Lhe obedeçam às instruções. Ele tem tudo no divino coração — nossas igrejas, missões, instituições, Escolas Sabatinas. Por que afligir-se? O intenso desejo de que a igreja seja uma luz viva e resplandecente, em harmonia com o desígnio de Deus, tem de ser temperado com uma inteira confiança nEle. — The Review and Herald, 14 de Novembro de 1893. 
Cultivai a tranqüilidade, e entregai a guarda de vosso coração a Deus como a um fiel Criador. Ele há de guardar aquilo que Lhe é confiado em depósito. Não Lhe agrada cobrirmos Seu altar de lágrimas e queixumes. Tendes já motivos suficientes por que louvar ao Senhor, ainda que não vejais outra alma convertida. Mas a boa obra irá avante, se, tão-somente, avançardes, e não procurardes ajustar tudo a vossas próprias idéias. Deixai que a paz de Deus reine em vosso coração, e sede agradecidos. Deixai ao Senhor margem para operar. Não Lhe obstruais o caminho. Ele pode trabalhar, e há de fazê-lo, uma vez que Lho permitamos. — Testimonies for the Church 9:136.

Postagens de Destaque