quinta-feira, 6 de novembro de 2014

Vitoriosa - O Capacete da Salvação



Porque se revestiu de justiça, como de uma couraça, e pôs o elmo da salvação na sua cabeça, e tomou vestidos de vingança por vestidura, e cobriu-se de zelo, como de um manto. Isa. 59:17.


Muitas pessoas têm idéias confusas no tocante à conversão. Ouviram freqüentemente repetir do púlpito as palavras: "Precisais nascer de novo." "Precisais ter coração novo." Estas expressões desconcertaram-nos. Não podiam compreender o plano da salvação.
Muitos tropeçaram para a ruína devido a doutrinas errôneas ensinadas por alguns pastores, no tocante à mudança que ocorre na conversão. Alguns têm curtido tristeza durante anos, esperando alguma notável evidência de haverem sido aceitos por Deus. Separaram-se do mundo, em grande medida, e encontram prazer em associar-se com o povo de Deus; não obstante não ousam professar a Cristo por temerem que seria presunção dizerem que são filhos de Deus. Estão esperando essa mudança característica que foram induzidos a crer que está relacionada com a conversão.
Depois de algum tempo, alguns destes têm a prova de sua aceitação da parte de Deus, e então são induzidos a identificar-se com Seu povo. Datam a sua conversão a partir desse momento. ... Porém, ... haviam sido aceitos na família de Deus antes desse tempo. Deus os aceitara quando se sentiram enfadados do pecado e, havendo perdido a satisfação pelos prazeres mundanos, decidiram buscar a Deus diligentemente. Mas, por não compreenderem a simplicidade do plano da salvação, perderam muitos privilégios e bênçãos que poderiam haver implorado se, quando pela primeira vez se voltaram para Deus, apenas houvessem crido que Ele os aceitara.
Outros caem em erro ainda mais perigoso. São governados por impulsos. Despertam-se-lhes as simpatias e consideram esse entusiasmo de sentimento uma prova de que foram aceitos por Deus e estão convertidos. Mas os princípios de sua vida não sofreram modificação. As evidências de uma genuína obra de graça no coração tem que ter base, não nos sentimentos, mas na vida. Evangelismo, págs. 286 e 287.


Ellen White
Minha Consagração Hoje - MM 1989 Pag. 314

Postagens de Destaque