quinta-feira, 14 de janeiro de 2016

"Um reino diferente" -

Pr Vinícius Marqueto

Resultado de imagem para imagens do reino de Deus

"Um reino diferente" - 05/01/2016

"Respondeu Jesus: O Meu Reino não é deste mundo." João 18:36.

Para existir um reino é preciso ao menos três coisas, o rei, os súditos e o território. O território é o local físico onde o reino é estabelecido, os súditos são as pessoas, que por escolha própria, decidem viver sob a liderança de um rei, e finalmente, um rei é aquele governador que estabelece leis e normas para a bom andamento e vivência do reino, seu interesse maior está no bem estar dos súditos. 

Seja um reino político terrestre ou o reino celestial, os princípios básicos são esses. Porém o reino de Deus tem uma característica peculiar, ele não tem aparecia exterior. É um reino que começa internamente, que se vive fora do reino. Mas no mundo religioso existem pessoas, multidões, que querem implantar o reino de Deus de fora para dentro. Querem que Cristo tenha um domínio terrestre e temporal e aí Deus será o governador dos reinos deste mundo, governador em seus fóruns e tribunais, em suas câmaras e assembléias, palácios e centros de negócios. Querem que Deus governe por meio de decretos, reforçados pela autoridade humana, já que Deus não se encontra aqui pessoalmente. 

Esse foi o erro dos judeus ao esperarem pelo Messias. Achavam que Jesus viria para impor seu reino e conquistar a força todas as nações, criar um domínio temporal e fazer deles instrumentos de Sua autoridade. Mas a resposta de Jesus foi: “O Meu reino não é deste mundo.” João 18:36.

O reino de Deus só pode ser implantado "mediante o operar do Espírito Santo. ... Aí está o único poder capaz de erguer a humanidade. E o instrumento humano para a realização dessa obra é o ensino e a observância da Palavra de Deus." EGW

Como nos dias de Jesus, precisamos permitir que o reino de Deus seja estabelecido em nossa vida primeiro, usando nosso coração como território, colocando em nós os costumes e deveres dos súditos do Reino, e os privilégios de ser cidadão do reino divino. E como súditos desse Reino iremos viver segundo o mais alto padrão e aí, através da influência do Espírito Santo, seremos instrumentos para a disseminação do Reino, não pela força, mas pela influência positiva, seremos cheiro de vida para a vida. Porque, como disse Paulo: “Já estou crucificado com Cristo; e vivo, não mais eu, mas Cristo vive em mim.” Gálatas 2:20.

Reflita sobre isso no dia de hoje. Com carinho, Pr Vinícius Marqueto

Resultado de imagem para imagens do reino de Deus

Postagens de Destaque