quinta-feira, 1 de janeiro de 2015

"Nos Lugares Celestiais" - Nosso Privilégio"



Mas Deus, que é riquíssimo em misericórdia, pelo Seu muito amor com que nos amou, estando nós ainda mortos em nossas ofensas, nos vivificou juntamente com Cristo, ... e nos ressuscitou juntamente com Ele, e nos fez assentar nos lugares celestiais, em Cristo Jesus. Efés. 2:4-6.


Assim como Deus ressuscitou a Cristo dentre os mortos, para que pudesse trazer à luz vida e imortalidade pelo evangelho, livrando assim o Seu povo dos seus pecados, Cristo ergueu seres caídos, para a vida espiritual, inspirando neles Sua vida, enchendo-lhes o coração de esperança e de alegria. Review and Herald, 31 de março de 1904.
Cristo Se entregou a Si mesmo pela redenção do homem, a fim de que todos os que nEle cressem tivessem vida eterna. Os que apreciam esse grande sacrifício recebem do Salvador aquele mais precioso de todos os dons - um coração puro. Alcançam eles uma experiência que é mais valiosa do que ouro, prata ou pedras preciosas. Assentam-se nos lugares celestiais em Cristo, desfrutando em comunhão com Ele a alegria e paz que Ele somente pode dar. Eles O amam de coração, mente, espírito e forças, sentindo que são Sua herança adquirida com sangue. Sua visão espiritual não está diminuída por interesses ou objetivos mundanos. Eles são um com Cristo, assim como Cristo é um com o Pai. Review and Herald, 30 de maio de 1907.
Cristo "Se deu a Si mesmo por nós, para nos remir de toda iniqüidade e purificar para Si um povo Seu especial, zeloso de boas obras". Tito 2:14. Tão completa oferta Ele fez para que por meio da graça cada um pudesse alcançar a norma da perfeição. Dos que recebem Sua graça e seguem o Seu exemplo será escrito no livro da vida: "Completos nEle, sem mácula nem ruga." Review and Herald, 30 de maio de 1907.
"Bendito o Deus e Pai de nosso Senhor Jesus Cristo, o qual nos abençoou com todas as bênçãos espirituais nos lugares celestiais em Cristo." Efés. 1:3. Que interrogação nossa pode ser formulada, que não esteja incluída nessa misericordiosa e abundante provisão? Pelos méritos de Cristo somos abençoados com todas as bênçãos espirituais nos lugares celestiais em Cristo. É nosso privilégio achegarmo-nos mais para junto de Deus, a fim de respirar a atmosfera de Sua presença. ... Nada menos que a permanente presença de Cristo trará paz, liberdade, coragem e poder. Review and Herald, 15 de outubro de 1908.


Ellen White
Nos lugares celestiais MM 1968 Pag. 7

Postagens de Destaque